Tempo

Tempo

Ela pediu um tempo,

Ele pediu mais uma chance.

Ela tinha dúvidas quanto ao sentimento.

Ele não queria que fosse só um lance.

 

O seu medo se confirmou,

O tempo jamais acabou.

Ela seguiu vivendo

E ele seguiu sofrendo!

 

Agora os dias ficaram tristes,

Não tem mais cinema nos findes

Ou passeios ao ar livre.

 

O que restou foi a solidão

E as lembranças

Que deixaram marcas no coração!

 

Rafael Magalhães

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s